sábado, 4 de julho de 2009

Autodidata (Prosa Poética)




Olhos que capam telas diversas,

enviando a mente, tudo quanto, esta não pode ver...

Lábios selados, boca silente, estado efêmero do muito saber!

O que pouco fala, muito comede.

E, assim sendo, aprende, da observância extrair seu aprender...

Fonte cristalina é seu fluir;

grande tesouro travado com cadeado,

quando aberto é ouro certo...

O autodidata, se forma assim!



Nota: Do Grego, autodidaktos. Autodidácta, grafia usada em todos os países falantes de Língua portuguesa exceto no Brasil, onde se escreve autodidata - o que é mestre de si mesmo -. Fonte da nota: Wikcionário .



EstherRogessi.Prosa Poética:Autodidata.Categoria:Poética. 05/07/09.Copyright.

Nenhum comentário:

Quem sou eu

Minha foto
Baronesa da Gothia Rogessi de A. Mendes (EstherRogessi). Pernambucana, outorgada com Título Nobiliárquico - Alta Insígnia BARONESA DA GOTHIA da Augustíssima e Soberana Casa Real e Imperial dos Godos de Oriente, DAMA COMENDADORA da Real Ordem dos Cavaleiros e Damas Rei Ramiro de Leão. Comendadora pelo CONINTER ARTES.. Escritora UBE/SP; Embaixadora da Paz (FEBACLA); Artista plástica, Membro Correspondente de várias Academias de Letras e Artes Nacionais e Internacionais. Consulesa e Comendadora. Tem escritos publicados em Antologias e Revistas Virtuais, no Brasil e exterior. Publicou o seu primeiro livro solo, pela Editora Literarte intitulado "Conflitos de uma alma" Romance ISBN 978-8-5835200-8-5 EstherRogessi recebeu várias premiações nacionais e internacionais.

Tesouros Escondidos...