quarta-feira, 1 de julho de 2009




O que posso dizer? Há uma grande diferença, entre a primeira e a última...

A primeira, é sempre bem-vinda, e a última é catastrófica, significativa, decisiva...

É a... Gota! O que faltava... O fim!

O curioso, é que não há primeira sem segunda... Sem terceira...

Quando por fim, acontecerá "a gota d'água?"

O que será preciso para que isso aconteça?Outro fato, é que a última gota, não acontece do nada; é a gota consequente, de uma infinidade de outras tantas, que vieram antes, e que, sempre houve um alerta, para que não chegasse ao transbordamento... A fatalidade!

A última gota é ruptura! É o clímax!

O caso, é que há sempre um descaso, sobre a tolerância do ser humano. Achamos que conhecemos às pessoas com as quais convivemos e, assim, pensamos que jamais tomarão decisões que venham nos chocar...

O ser humano é sempre uma incógnita.

Ora, é fato que desconhecemos às nossas limitações...

O certo é que devemos sempre respeitar a individualidade, e o direito do próximo. Termos a consciência de que tudo quanto possa aborrecer o meu próximo tem relevância, mesmo que, este próximo seja o mais próximo possível...

Não temos o direito de usurpar os seus limites, invadindo à sua privacidade, nem mesmo, deixarmos de lhes dar a devida atenção ( do que tenho certeza ser bastante irritante.) , é meu dever evitá-lo.

Em se tratando de casais, quantos relacionamentos são desfeitos por aparentemente "nada".

É a tolha molhada sempre deixada em cima da cama; a roupa íntima estendida no box, fazendo deste, varal; os sapatos jogados ao leu; e tantas outras coisinhas do cotidiano que, desgasta a relação, e que, em um momento crucial... Chegará à ser: " a gota d'água".

Assim sendo, que possamos receber e primar pela medida certa, evitando assim, o transbordamento da última gota... para à glória de Deus!



Esther"Rogessi”, Ensaio: A Gota d’água, Mural dos Escritores, http://muraldosescritores.ning.com/profile/Esther ,29/01/09. Publicado no Recanto das Letras http://www.esther.recantodasletras.com.br/ ,em 06/ 10/2008

Nenhum comentário:

Quem sou eu

Minha foto
Baronesa da Gothia Rogessi de A. Mendes (EstherRogessi). Pernambucana, outorgada com Título Nobiliárquico - Alta Insígnia BARONESA DA GOTHIA da Augustíssima e Soberana Casa Real e Imperial dos Godos de Oriente, DAMA COMENDADORA da Real Ordem dos Cavaleiros e Damas Rei Ramiro de Leão. Comendadora pelo CONINTER ARTES.. Escritora UBE/SP; Embaixadora da Paz (FEBACLA); Artista plástica, Membro Correspondente de várias Academias de Letras e Artes Nacionais e Internacionais. Consulesa e Comendadora. Tem escritos publicados em Antologias e Revistas Virtuais, no Brasil e exterior. Publicou o seu primeiro livro solo, pela Editora Literarte intitulado "Conflitos de uma alma" Romance ISBN 978-8-5835200-8-5 EstherRogessi recebeu várias premiações nacionais e internacionais.

Tesouros Escondidos...