quarta-feira, 23 de junho de 2010

O OLHO DIVINO & A POÉTICA DE CANTARES

Eu sou a rosa de Sarom, o lírio dos vales.
Qual o lírio entre os espinhos, tal qual é a minha amiga entre as filhas.
Qual a macieira entre as árvores do bosque tal qual é o meu amado entre os filhos: desejo muito a sua sombra, e debaixo dela me assento; e o seu fruto é doce ao meu paladar.

Paráfrase prosáica:

Indizível é a beleza de uma rosa, perfeita no aconchego de suas pétalas;
Inebriante, cândido, suave, inconfundível é o seu perfume...
Na Sua infinita sabedoria quis Deus fazê-la exuberante entre os espinhos.
Porém, a rosa maior que todas às rosas -a de Sarom-, perfeccionista em toda a Sua criação, achou por bem, coloca-la entre os espinhos...os mesmos condutores de dores..são também protetores.
Porém, a rosa não degenera..exala seu perfume, encanta e adorna aos vivos e aos mortos.
Os espinhos nascidos da mesma árvore não lhe ferem, só lhe ajudam.
Interessante é meditar no fato de que, os muitos espinhos jamais conseguem ferir uns aos outros..pois, cada um traz em si o próprio galardão;
mais interesante ainda é poder discernir que, tanto a rosa quanto os espinhos se alimentam da mesma seiva; juntos recebem os mesmos raios de sol; o mesmo orvalho lhes acaricia; a mesma rega... lhes garante a vida. Tão diferentes em suas aparências e papeis, porém, tendo afins para determinados fins. A rosa, porém, é e será sempre a rosa, nada lhe mudará a essência.

Paráfrase contextual bíblico:

Somos filhos do mesmo Pai e, convivemos com pessoas que sorriem e nos falam coisas agradáveis, porém, essas, são só de lábios, longe estão dos seus corações...
Quando acontece de alguém contemplar a nossa ascensão - seja em qual for a ária-, a “Síndrome de Caim” lhes assola, tira-lhes a visão, o sono, a paz.
O pensamento desses é de que, tudo quanto a vida pode oferecer de bom e promissor, estaria reservado só para si; ou , que, todo o reconhecimento profissional lhe seja devido...
São consumidos pela inveja, passam por cima de amigos, de pessoas que só lhes querem o bem e, que não estão interessadas em competições, mas, em trabalho justo e ações de igual valor.
Formam um emaranhado de espinhos.. porém, jamais poderão fazer com que a essência da rosa degenere, simplesmente..por ela - a rosa – não estar interessada em nada mais do que, ser a rosa.
A árvore tem porções certas e não faz acepção em seu derramar.. A seiva é pura, a rega, idem.
Cabe a cada um de nós florecer ou murchar.. Além da rega, é preciso o adubo, nutrientes – ações dignas- para um crescimento e frutificação perfeitos.

Que Deus nos ajude a combatermos e vencermos o maior inimigo nosso: “o nosso EU.”

EstherRogessi,Escritora UBE Mat.3963. Mensagem: O OLHO DIVINO & A POÉTICA DE CANTARES. Fonte: Bíblia Sagrada, Cantares de Salomão 2:1-3. Imagem Web. 23/06/07.

Nenhum comentário:

Quem sou eu

Minha foto
Baronesa da Gothia Rogessi de A. Mendes (EstherRogessi). Pernambucana, outorgada com Título Nobiliárquico - Alta Insígnia BARONESA DA GOTHIA da Augustíssima e Soberana Casa Real e Imperial dos Godos de Oriente, DAMA COMENDADORA da Real Ordem dos Cavaleiros e Damas Rei Ramiro de Leão. Comendadora pelo CONINTER ARTES.. Escritora UBE/SP; Embaixadora da Paz (FEBACLA); Artista plástica, Membro Correspondente de várias Academias de Letras e Artes Nacionais e Internacionais. Consulesa e Comendadora. Tem escritos publicados em Antologias e Revistas Virtuais, no Brasil e exterior. Publicou o seu primeiro livro solo, pela Editora Literarte intitulado "Conflitos de uma alma" Romance ISBN 978-8-5835200-8-5 EstherRogessi recebeu várias premiações nacionais e internacionais.

Tesouros Escondidos...